sétimo dia (31/12/2013) da viagem de carro pelo Centro-Oeste brasileiro, era para ser o penúltimo dia da viagem, mas uma ligação no meio do caminho acabou estendendo a viagem por mais alguns dias e nos permitiu conhecer a capital federal brasileira.Tomamos o último café da manhã no Pantanal e também o último de 2013. Nos despedimos do pessoal, da pousada, daquele clima maravilhosamente selvagem e enfim, dos pernilongos. Como faziam dois dias que não chovia, a estrada da Pousada Curicaca até a Transpantaneira estava seca. Logo deixamos o Pantanal.

Estávamos voltando para casa, em direção a Jataí-GO, já que dia 3 a Natalia teria que retornar ao trabalho. Já tínhamos conseguido passar por Cuiabá (o trânsito estava caótico, a cidade era um verdadeiro mar de retornos mal sinalizados – tudo “por causa das obras da Copa”). Foi quando recebemos uma ligação do chefe dela, adiando o retorno ao serviço para o dia 6 de janeiro.

Na hora mudamos nosso destino para Brasília e estendemos a viagem =D

Percorremos uma boa parte do território mato-grossense, com um sol de rachar e quase nenhum carro nas estradas. Grande parte desse território pertence a aldeias indígenas e por isso tem poucos postos de gasolina no trajeto. Chegamos a ver alguns índios entrando pelas porteiras das grandes áreas reservadas, vestidos e às vezes até de carro.

Quando começou a escurecer preferimos parar para dormir. Entre as opções, escolhemos Barra do Garças-MT, ao lado do Rio Araguaia, na divisa dos estados de Mato-Grosso e Goiás.

Era noite de reveillon e ao invés de sairmos para ver os fogos de artificio e o movimento da cidade, demos prioridade ao descanso. Dormimos logo nos primeiros minutos de 2014.

 

No dia seguinte (o 8º da viagem) pela manhã, conhecemos o Parque das Águas Quentes de Barra do Garças.

 

Chegando em Brasília

A viagem foi boa e tranquila e chegamos em Brasília por volta das 21h30. Estávamos hiper cansados e com fome. Não estávamos com tempo nem com paciência para procurar um restaurante barato, então fizemos o prático e fomos ao Park Shopping comer. Saindo dali fomos procurar hotel.

Fomos parar na Asa Norte, onde encontramos alguns hotéis e resolvemos ficar no Aristus Hotel, pois parecia ser o mais simples de todos ao redor. Porém, quando pegamos a lista de preços dos quartos levamos um susto: um quarto para casal estava na faixa de R$ 260 a diária. Percebendo nosso espanto, o recepcionista logo fez umas contas e nos concedeu desconto. Enfim, dormimos em um quarto no “sub-solo” por ~R$ 150, com 10% da taxa de serviços inclusa.

 

Investimentos do dia

Hospedagem: R$ 100,00*
Alimentação: R$ 52,50*
Combustível: R$ 62,03
TOTAL: R$ 214,53

* Valor calculado para duas pessoas.

Total de km percorridos no dia: 663,2

Total de km percorridos até esse dia/Total percorrido na viagem: 3.007,4 / 5.107,2