12º Dia (02/01/13, qua): Atravessando a Cordilheira dos Andes

Lucas Furlan

Nascido e criado em Santa Bárbara d'Oeste-SP, vim ao mundo no século passado em 1.990. Sou formado em Publicidade e Propaganda e desenvolvedor web. Gosto de fotografia, sempre gostei de viajar e de aventuras. Resolvi fazer o blog para compartilhar minhas experiências.

VEJA TAMBÉM

21 comentários

  1. Rosa disse:

    Até que você escreve bem. Gostei do resumo final dos gastos. Ajudou bastante. Acho que vou fazer um blog assim. Adoro viajar!!!

  2. Olá Lucas. Tudo bem?
    Venho lendo seu site/blog há um bom tempo e colhendo todas as informações possíveis.
    Algo que não encontrei ou passei desapercebido foi quanto ao combustível utilizado na viagem.
    Na Argentina por exemplo, não se tem álcool na composição da gasolina, isso interferiu no desempenho do carro? Fez um rendimento melhor? E o combustível no Chile?
    Por favor, me conte sobre isso.
    Obrigado.

  3. Emerson disse:

    Vc teve algum problema com a policia argentina? e como foi subir a cordilheira,faltou ar ou foi tranquilo?Estou indo em 2018 com a minha kombi 77 até Los Angeles,CA e está no roteiro subir pelas cordilheiras,abç.

  4. Raony Cortes disse:

    Boa tarde, em qual epoca do ano voce fez a travessia de ARG para CHL? Pretende fazer esta viagem de moto em setembro, sera que eh uma boa epoca? Visto que ja esta comecando a primavera

    • Lucas Furlan disse:

      Oi Raony,
      A data da nossa travessia está no título do post ;)
      Acredito ser uma boa época sim, é bem provável que já não tenha mais neve e que a estrada esteja liberada.
      Boa viagem!

  5. Irineu Marchioli disse:

    Também percorri todo este trajeto indo até Nascimiento, seguindo pela ruta 5 até perto de Los Angeles,no centro sul do Chile, Todo este percurso feito na cabine de um caminhão da Transportadora Trans Falls.
    Fiz duas viagens ao Chile em épocas diferentes, uma em agosto com a Cordilheira coberta de gelo e outra em abril quando o gelo já quase não existe, só mesmo nos picos mais altos.

  6. Freitas disse:

    Muito bom o seu blog, estarei fazendo parte desse trajeto em março 2016, irei de moto saindo de Aracaju,, tenho interesse em me hospedar no Carmen 390, em Santiago, mas não consegui localizar o apto na internet, qual foi o site que vc localizou esse apto?

  7. leticia lino disse:

    Boa tarde. Farei essa viagem no final do mes porém estou tendo dificuldades com a permissão para atravessar com o carro alugado. Por qual empresa alugaram o carro? Obrigada

  8. gislaine Fernandes disse:

    Muito bom este blog, poder compartilhar dessas experiênçias inclusive de rotas, hospedagem, muito obrigado.

  9. Emerson Soares disse:

    acabei de montar uma rota passando pelas cordilheiras e atacama, totalizando 7000mil km ida e volta a minha cidade, qual seria meus custos com aduanas e pouso, iremos em quatro pessoas saindo de Tatui-SP, alguem sabe qual seria meus custos em relação essa e outras despesas.

    • Elisa Pereira de Camargo disse:

      Oi Emerson, a familia do meu marido é de Tatui. Seria possivel me enviar essa rota que fez para que eu a estude? penso em fazer essa viagem mas ainda tenho duvidas. Obrigada. Elisa.

  10. anderson disse:

    è um sonho poder faser este trajeto

  11. Erika Moraes disse:

    Muito Legal seu blog. Quero muito conhecer o Chile e a Argentina, principalmente o Deserto do Atacama e a Cordilheira dos Andes. Seria possível fazer uma viagem passando por esses dois lugares?

    • Lucas Furlan disse:

      Você só precisa de um pouco mais de tempo, mas é possível sim Erika. O Deserto do Atacama está na nossa lista de próximos destinos, quem sabe vamos lá de carro no final de 2015 ;)

  12. Maurizio Maziero disse:

    Ola. Muito legal as dicas que encontrei aqui. Saberia me dizer se a aduana na cordilheira funciona aos domingos também? Obrigado

Deixe uma resposta para Freitas Cancelar resposta